Atendimento Na Unidade Básica de Saúde

Pós-Graduação EAD

Apresentação

O curso de especialização lato-sensu de Atendimento na Unidade Básica de Saúde oportuniza ao seu concluinte uma visão ampla sobre as competências, habilidades e conhecimentos necessários para atuar no atendimento à população nessas unidades. O curso consegue abordar aquilo que é realmente necessário para uma atuação competente e eficaz por parte do futuro especialista.

Objetivos:
Ao término deste curso você poderá atuar no atendimento em unidades básicas de saúde, de uma maneira abrangente e consistente, com conhecimentos em áreas transversais como controle e prevenção de infecções, atenção farmacêutica, atenção básica à saúde, entre outros conteúdos relevantes para a atuação profissional.

Público-Alvo:
Atender pacientes em unidades básicas de saúde é um verdadeiro desafio para os profissionais dessa área. O sistema é complexo e carente de recursos de toda ordem. Essa realidade exige do profissional algumas habilidades técnicas e científicas fundamentais para assegurar o bom atendimento da população. Além das peculiaridades do SUS, questões relacionadas à segurança e controle epidemiológico são determinantes para o pleno exercício profissional nessas unidades.

Formato do curso:
Conteúdo 100% on-line.
Trilha de aprendizagem com materiais teóricos, vídeos introdutórios e slides.
Materiais das aulas disponíveis para download.
Inicie o curso em até 7 dias após a confirmação da sua matrícula.

Disciplinas

  • Infecções hospitalares; Segurança nos serviços de saúde; Identificação dos riscos; Infecções relacionadas à assistência; Ações de prevenção das IRAS; Vigilância dos riscos; Avaliação e monitoramento em saúde; Vigilância das infecções hospitalares; Prevenção e detecção de infecção hospitalar; Diagnósticos das IH; Medidas de prevenção de IRAS; Infecção da corrente sanguínea e cirúrgica; A legislação frente às IH; Portaria nº 2.616/1998; Vigilância das infecções hospitalares; Qualidade, acreditação e infecção hospitalar
  • Explicando a diversidade cultural como característica da nossa formação humana e nacional; Reconhecendo o Discurso Pedagógico da Diversidade; Entendendo a introdução a Educação Étnico-Racial; Analisando os Fundamentos Legais para a Educação das Relações Étnico-Raciais; Reconhecendo o contato com a realidade de outro: Histórias, culturas e Sociedades Africanas (Literatura, Arte, língua e Cultura Africanas e Afro-brasileiras); Definindo o Outro: O Negro na Sociedade Brasileira, as Relações Raciais, Contribuições da Matriz Africana nas Artes Brasileiras e Resistência Negra no Brasil; Relembrando o Contato com a Realidade do Outro: Histórias, culturas e Sociedades Ameríndias e os diversos Povos Indígenas do Brasil: Culturas Indígenas no Brasil. (Literatura, Arte, língua e Cultura Indígenas Brasileiras); Nomeando o Outro: Os Povos Indígenas na Sociedade Brasileira, as Relações Raciais, Contribuições dos Povos Indígenas nas Artes Brasileiras e Resistência Indígena no Brasil; Refletindo sobre a Diversidade Cultural e sobre o respeito às dif
  • Histórico da farmácia clínica; Áreas de atuação da farmácia clínica; Atuação profissional em farmácia clínica; Situação da farmácia clínica e tendências; Princípios e conceitos da atenção farmacêutica; Planejamento da atenção farmacêutica; Seguimento farmacoterapêutico; Planejamento farmacoterapêutico; Princípios e conceitos da semiologia farmacêutica; Terminologia médica; O raciocínio diagnóstico farmacêutico; Sinais e sintomas mais importantes para um farmacêutica; Processos infectocontagiosos sazonais; Patologias características da mulher; Processos patológicos infanto-juvenis; Patologias frequentes nos idosos
  • Riscos ocupacionais e otimização do ambiente laboral; Abordagem ergonômica do trabalho; Normas regulamentadoras do trabalho (NRs); Considerações críticas e limites da ergonomia; Evolução histórica da segurança do trabalho; Segurança no trabalho; Classificação dos riscos ocupacionais; Vigilância em saúde e a saúde do trabalhador; Investigação dos acidentes e incidentes de trabalho; Avaliação dos acidentes e incidentes de trabalho; Teorias sobre acidentes; Embargo e interdição; Qualidade no sistema de gestão da segurança ocupacional; Certificação e acreditação; Certificação de sistemas de gestão de segurança e saúde no trabalho; SESMT e CIPA
  • Compreender sobre os conceitos de saúde durante a história; Conhecer história da previdência social e da saúde coletiva; Compreender história das políticas públicas de saúde no Brasil; Conhecer a história dos sistemas de saúde de outros países; Conhecer a criação do SUS; Compreender os princípios e diretrizes do SUS; Compreender sobre o financiamento do SUS; Conhecer sobre a Regulação em saúde
  • Conhecendo os instrumentos de regulação em saúde; Conhecendo os níveis de complexidade e forma de liberação; Analisar os impactos da indústria da saúde em diversas áreas; Compreendendo as consequências econômicas da doença; Conhecendo os indicadores epidemiológicos; Compreendendo sobre o trabalho em saúde; Compreendendo sobre a dicotomia público privada; Conhecendo os avanços e desafios do SUS
  • Serviços e ações do SUS; Amparo constitucional da saúde no Brasil; Lei orgânica do SUS; Pacto pela saúde; Regulação de serviços e ações da saúde; Rede de atenção à saúde e a política nacional de atenção básica; Protocolo de cooperação entre entes públicos; Planejamento em saúde
  • Controle de ações e serviços de saúde; Contrato organizativo da ação pública de saúde (COAP); Controle em ações e serviços da saúde; Controle social em ações e serviços de saúde; Histórico da auditoria e avaliação em ações e serviços da saúde; Princípios fundamentais de auditoria no setor público; Auditoria em ações e serviços da saúde; Sistema de regulação, controle e avaliação nas ações e serviços de saúde
  • Atenção à saúde; Políticas de saúde para públicos específicos; Saúde do homem; Condições crônicas de saúde; Pactos políticos e programas; Contexto sociopolítico da política pública de atenção ao idoso no Brasil; Política nacional de saúde da pessoa idosa; Indicadores de envelhecimento no idoso; Relação médico paciente; Relação médico paciente e a atenção humanizada; Estratégias de saúde da família; Núcleos de apoio e assistência; Relação médico paciente; Relação médico paciente e a atenção humanizada; Estratégias de saúde da família; Núcleos de apoio e assistência; Família como centralidade nas políticas públicas; Envelhecimento biopsicossocial e ambiental; Planejamento de ações na saúde; Avaliação de ações/riscos em saúde do homem
  • Morbimortalidade no processo reprodutivo humano e na situação ginecológica; Tipos de morbidade; Implicações fisiológicas e psicológicas do ciclo menstrual e da gestação; Assistência de equipes multidisciplinares; Programa Rede Cegonha; Planejamento familiar; Cuidado com os principais agravos da saúde da mulher; Problemática da saúde da criança e do adolescente no Brasil; Indicadores de morbimortalidade nacionais em saúde da criança; Determinantes de morbimortalidade infantil e juvenil; Programa de atenção à saúde da criança e do adolescente; Assistência à saúde da criança e do adolescente nas unidades de ESF; Membros da equipe de saúde e da família; Promoção e proteção do crescimento e desenvolvimento infantil; Ações da clínica e do cuidado nos principais agravos da saúde da criança e do adolescente; Atenção integrada às doenças prevalentes na infância

Diferenciais

  • Acesse a Trilha de Aprendizagem como, onde e quantas vezes quiser.

  • Material digital disponível para download.

  • Parcelas acessíveis que cabem no seu bolso.

  • Seu certificado emitido pela faculdade que é nota MÁXIMA (5) no MEC.

  • Curse em 6 ou 12 meses.

  • Receba um código de desconto 30%, entre em contato com o Consultor de Carreira mais próximo da sua cidade por meio do whatsapp.