Gestão Hospitalar

Pós-Graduação EAD

Apresentação

O curso de especialização lato-sensu em Gestão Hospitalar oportuniza ao seu concluinte uma visão ampla sobre as competências, habilidades e conhecimentos necessários à atuação do gestor nessa área, tanto em hospitais privados quanto nos públicos. O curso consegue abordar aquilo que é realmente necessário para uma atuação competente e eficaz por parte do futuro especialista.

 Público-Alvo:
A complexidade dos processos gerenciais de um hospital, que vai da hotelaria ao bloco cirúrgico, passando por equipes multidisciplinares e uma gama de diferentes tecnologias e áreas de conhecimento, o profissional especializado na gestão hospitalar precisa lançar mão de inúmeras competências e habilidades para ser competitivo nesse mercado.

Objetivos:
Ao término deste curso você poderá atuar na gestão hospitalar, de uma maneira abrangente e consistente, com conhecimentos em áreas transversais como gestão de serviços, da qualidade, do atendimento, da arquitetura, da documentação, entre outros conteúdos relevantes para a atuação profissional.    

Formato do curso:
Conteúdo 100% on-line.
Aulas gravadas
Materiais das aulas disponíveis para download.
Inicie o curso em até 7 dias após a confirmação da sua matrícula.



Disciplinas

  • Ambiente hospitalar; Ambiente hospitalar no Brasil; Ambiente hospitalar a rede pública e privada; Representação gráfica na arquitetura; Fluxo de circulação e movimentação de pessoas; Projeto de arquitetura no ambiente hospitalar; Interface entre áreas e o pré-dimensionamento; Planejando o ambiente hospitalar; Acessibilidade no espaço hospitalar; Normas de acessibilidade; Ergonomia na EAS; Espaços arquitetônicos das EAS; Arquitetura humanizada; O indivíduo como objeto do design; Humanização no espaço da saúde; Projetos complementares
  • Auditoria como ferramenta organizacional; Auditorias internas e externas; Tipos de auditoria; Auditoria em saúde pública; Auditor hospitalar; Planejamento da auditoria; Técnicas de auditoria; Relatório da auditoria; Qualidade hospitalar e a auditoria; Sistemas de gestão da qualidade certificáveis; Sistema de gestão da qualidade hospitalar; Níveis da acreditação ONA; Temas relevantes em auditoria hospitalar; Auditoria e custos hospitalares; Auditoria nos setores do hospital; Auditoria e gerenciamento de riscos
  • Processos nos serviços de saúde; Ferramentas da qualidade nos serviços de saúde; Planejamento e análise estratégica de organizações de saúde; Elaboração e implementação de comissões; Planejamento e comissões em organizações de saúde; Metodologia de elaboração e implementação de comissões; Comissões de resíduos sólidos; Comissão de Farmácia e Terapêutica
  • Comissões hospitalares na gestão da saúde; Benefícios decorrentes das comissões; Obrigatoriedade das comissões; Comissões internas e externas; Abordagem sistêmica nas organizações de saúde; Humanização hospitalar e melhoria contínua; Práticas modernas de gestão de excelência; Revisões de prontuários e avaliações de saúde
  • Infecções hospitalares; Segurança nos serviços de saúde; Identificação dos riscos; Infecções relacionadas à assistência; Ações de prevenção das IRAS; Vigilância dos riscos; Avaliação e monitoramento em saúde; Vigilância das infecções hospitalares; Prevenção e detecção de infecção hospitalar; Diagnósticos das IH; Medidas de prevenção de IRAS; Infecção da corrente sanguínea e cirúrgica; A legislação frente às IH; Portaria nº 2.616/1998; Vigilância das infecções hospitalares; Qualidade, acreditação e infecção hospitalar
  • Tecnologias em saúde; Política nacional de ciência, tecnologia e inovação em saúde; Tipos e classificações das tecnologias em saúde; Ciclos de vida de uma tecnologia em saúde; Avaliação de tecnologias em saúde: ensaios clínicos; Métodos de avaliação de tecnologias em saúde; Avaliação de custos e impacto econômico; Bioética e tecnologias em saúde; Gestão de tecnologias em saúde; Tecnologias de alto custo e alta demanda; Tecnologias em saúde como ferramentas de gestão; Tecnologias da informação em serviços de saúde; Tecnologias na gestão hospitalar; Ações de manutenção; Gestão do risco e dos espaços em tecnologias de saúde; Riscos relacionados ao uso de tecnologias em saúde
  • Administração hospitalar; Gestão de recursos humanos na saúde; Indicadores de gestão de recursos humanos; Tipos de indicadores; Gestão de Espaços e Tecnologias em Saúde; Método para o estudo das unidades de saúde; A identificação da ações de manutenção; A identificação do risco no ambiente hospitalar; Evolução histórica dos sistemas de informação em saúde (SIS); Dados, informação e conhecimento em saúde; Legislação vigente; Sistema de informações hospitalares do SUS (SIH / SUS); Sistema de informação clínica: evolução do conceito de prontuário: prontuário eletrônico do paciente (PEP); Riscos e obstáculos no desenvolvimento e implantação de um Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP); Classificação dos sistemas de decisão; Padronização da linguagem: taxonomia (nomenclaturas): HL7, SNOMED, CIPE
  • Conceito de qualidade; Controle de qualidade; Qualidade no contexto de saúde; Humanização no atendimento em saúde; Conceitos e características dos indicadores; Auditoria de qualidade; Auditoria interna e externa; Ferramentas para avaliar a qualidade
  • Planejamento estratégico; Sistemas de avaliação de qualidade; Técnicas e ferramentas de avaliação; Certificação ISSO; Certificação e acreditação; História da acreditação e instituições acreditadoras; Gestão de qualidade; Sistema Nacional de Acreditação
  • Conhecer os direitos dos usuários do SUS; Ouvidoria: conceitos, histórico e fundamentação legal; Ouvidoria no Brasil e na saúde; Acolhimento; A missão, objetivos e atribuições da ouvidoria; O papel estratégico da ouvidoria, porque instalar uma ouvidoria, quando e porque procurar a ouvidoria; O atendimento e os seus sete pecados; As principais características da ouvidoria; Exigências mínimas para o funcionamento de uma Ouvidoria; Padronização do processo de trabalho, responsabilidades, limites e vinculação da Ouvidoria; Perfil do ouvidor e os aspectos relevantes de sua qualificação, formação do ouvidor/ombudsman, competências essenciais do ouvidor; Classificação, conteúdo e acompanhamento das manifestações junto à ouvidoria; Tipos de demandas de uma ouvidoria, vantagens para a organização e o cidadão e as barreiras de uma ouvidoria; Sistema de informação para a gestão de uma ouvidoria; Sistemas Informatizados de uma ouvidoria; Ouvidoria como instrumento de gestão, os diferenciais propostos para a gestão de uma ouvidoria.